Museu Vivo de Al-Ándalus

Museu Vivo de Al-Ándalus

O museu da Torre de la Calahorra reflete o estilo de vida de Córdoba na época muçulmana. Em suas oito salas podemos ver roupas muçulmanas, instrumentos musicais e outros elementos relacionados à cultura árabe.

O museu da Torre de la Calahorra

O Museu vivo de Al-Ándalus está na Torre de la Calahorra, uma construção defensiva que foi testemunha da passagem de muçulmanos, judeus e cristãos por Córdoba. Nesse monumento chave na história de Córdoba é possível viajar aos séculos IX, X, XI e XII, quando a capital do califado era a maior cidade da Europa e os valores do Oriente e do Ocidente se fundiam em suas ruas.

As oito salas do museu de Al-Ándaluz abrigam representações em pequena escala dos lugares de encontro chave na Córdoba muçulmana: os banheiros, o mercado municipal, a Porta de Almodóvar, a sinagoga, a mesquita, etc.

O primeiro andar do museu é dedicado ao conhecimento e aos avanços científicos durante a etapa muçulmana graças a grandes filósofos das três culturas: Alfonso X o Sábio, Averróis e Maimônides.

No segundo andar é possível entrar na vida de Al-Ándalus. A cada hora é projetada uma reportagem audiovisual que mostra a convivência de judeus, muçulmanos e cristãos durante a época de esplendor de Córdoba como capital de Al-Ándalus.

O melhor: as vistas

Embora o museu vivo de Al-Ándalus seja uma excelente oportunidade para imaginar como era a vida na cidade em sua etapa islâmica, o melhor são as vistas da Torre de la Calahorra. A entrada ao museu permite subir no último andar da torre e ter uma panorâmica única da Ponte Romana, da Porta da Ponte e da Mesquita-Catedral de Córdoba.

Horário

Inverno (de 1º de outubro a 30 de abril)
De segunda a domingo, das 10:00 às 18:00 horas.
Verão (De 1º de maio a 30 de setembro)
De segunda a domingo, das 10:00 às 14:00 e das 16:30 às 20:30 horas).

Preço

Preço
Adulto: 4,50€
Estudantes e pensionistas: 3€
Grupos a partir de 15 pessoas: 3€
Menores de 8 anos: entrada gratuita.

Transporte

Ônibus: linhas 3, 12 e 14.